Surf

Surfistas mostram a Pipa para o mundo

Nos anos 70 a grande onda dos surfistas era descobrir novos picos alucinantes. Imagine a sensação dos veteranos natalenses, recifenses, cariocas e paulistas que desbravaram a Pipa no final dessa década, quando aqui era apenas uma pacata aldeia de pescadores cercada de natureza ainda virgem e praias totalmente desertas.

Nessa época quem quisesse desfrutar dos encantos da terrinha tinha que vir de Tibau do Sul à pé e se contentar com um cantinho super hospitaleiro na casa da dona Eunice, dona Maurina e do Déda. Tudo de bom pra rapaziada!

Porque para aquela galera desligada da grana o que contava mesmo era a tranqüilidade, a beleza e as ondas de até 8 pés dropadas na Sororoca, Abacateiro e Lajão. E isso foi só o começo porque de lá para cá a Pipa se fixou como o pico de surf do nordeste e hoje os surfistas têm 15 points de ondas para arrasar com suas manobras radicais.

GOSTOU? ENVIE PARA ALGUÉM!

Veja Também!

Baia dos Golfinhos

Praia sossegada e banho de mar com golfinhos

Garça

Elegância no caminhar

Surf

Surfistas mostram a Pipa para o mundo